02 junho 2018

[RESENHA] O Silêncio das Montanhas


Autor(a):Khaled Hosseini
Editora: Globo Livros
Número de páginas: 350
Ano de lançamento:2013
Sinopse:O Silêncio das Montanhas traz como protagonista os irmãos Pari e Abdullah, que moram em uma aldeia distante de Cabul, são órfãos de mãe e têm uma forte ligação desde pequenos. Assim como a fábula que abre o livro, as crianças são separadas, marcando o destino de vários personagens.
Paralelamente à trama principal, Hosseini narra a história de diversas pessoas que, de alguma forma, se relacionam com os irmãos e sua família, sobre como cuidam uns dos outros e a forma como as escolhas que fazem ressoam através de gerações. Assim como em O Caçador de Pipas, o autor explora as maneiras como os membros sacrificam-se uns pelos outros, e muitas vezes são surpreendidos pelas ações de pessoas próximas nos momentos mais importantes.
Segundo o próprio Hosseini, o novo título "fala não somente sobre a minha própria experiência como alguém que viveu no exílio, mas, também sobre a experiência de pessoas que eu conheci, especial os refugiados que voltaram ao Afeganistão e sobre cujas vidas tentei falar tanto como escritor quanto como representante da Organização das Nações Unidas. Espero que os leitores consigam amar os personagens de O Silêncio das Montanhas tanto quanto eu os amo".
Seguindo os personagens, mediante suas escolhas e amores pelo mundo - de Cabul a Paris, de São Francisco à Grécia -, a história se expanda, tornando-se emocionante, complexa e poderosa. É um livro sobre vidas partidas, inocências perdidas e sobre o amor em uma família que tenta se reencontrar.

Hey leitores inconstante! Hoje eu trouxe a resenha de um livro que já estava parado na minha estante já tinha um bom tempo, "O Silêncio das Montanhas" do Khaled Hosseini, então vamos para mais uma resenha?! Enjoy!
   O Silêncio das Montanhas não é nenhum lançamento (é de 2013) mas como os outros os livros do autor, pode se dizer que ele é atemporal, nele o tema é laços amorosos ou familiares e como eles se afetam com o passar do tempo, aqui se percebe a grande habilidade do autor em criar personagens que não são totalmente heróis ou vilões e sim apenas humanos com seus defeitos e qualidades.
“Aprendi que o mundo não via seu interior, não se importava com as esperanças, os sonhos e as tristezas que pudessem existir sob a pele e os ossos. Era simples assim, absurdo e cruel.”

   A obra se  faz  uma leitura difícil porque se alterna muito entre passado e presente, então o leitor tem que ficar bem atento para não se perder enquanto estiver lendo, e os saltos de tempo são bem significativos. Algo que particularmente me incomodou foi a quantidade de personagens apresentados, achei que nesse aspecto a história poderia ter sido mais "enxuta" teria deixado  a leitura mais simplificada.

“O tempo é como um encantamento. A gente nunca tem o quanto imagina.”

O Silêncio das Montanhas não é um livro para quem deseja ler finais felizes convencionais, mas sim para quem quer ler algo mais profundo, reflexivo.

Porque damos as costas à realidade quando ela se torna dura demais para aguentar?

6 comentários:

  1. Olá! Ainda não conhecia o livro mas gostei de saber que é uma leitura que permite várias reflexões.. Apesar de sua resenha estar ótima e super interessante, o livro nao me cativou, mas acredito que quem gosta dessas leiturasreflexivas irá achar uma otima leitura!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
  2. Nossa, cara! Como sou negligente! =(
    Sou muito fã da escrita de Khaled Hosseini, mas esse é o único livro dele que não li ainda! E olha que acompanhei a divulgação de seu lançamento em 2013, só que por algum motivo ainda não o li até hoje! Preciso reverter isso já! Infelizmente, todos os livros do autor trazem finais ambíguos e realistas, nada de "e viveram felizes para sempre".
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Ola, tudo bem?
    Gostei bastante da sua resenha, a premissa do livro me parece ser muito boa, mas infelizmente não é um livro que eu leria, mas com certeza vou indicar para quem curte esse estilo.
    Beijus

    ResponderExcluir
  4. Normalmente eu gosto de livros que alternam entre o passado e o presente, Mas claro que isso depende de livro para livro. E se eu não conhecia ainda e vou anotar aqui a dica.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  5. Oi Nayla!
    Li O Silêncio das Montanhas assim que foi lançado já que gosto demais dos livros do autor. Lembro que amei demais a história e me acabei de chorar, afinal de contas foi tudo muito emocionante pra mim. E esse ponto que você citou, de alternar entre presente e passado, é algo que eu adoro!
    Vc já leu outros livros dele? Recomendo, viu?
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oie
    eu tenho o livro aqui e ja li dois do autor que me fez chorar e amar, então espero adorar esse ai também, muito legal sua resenha e ótimo saber mais da historia e o que esperar

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ResponderExcluir

imagem-fundo imagem-logo